Blog Lu Hermeto

saúde

quinta-feira

4

agosto 2016

0

Comentário/s

Influencia da dieta na saúde bucal!

Escrito por , em Sem categoria

Popularmente, o maior conhecimento sobre a influência da dieta sobre os dentes é ”não comer doces”, não é? A ingestão frequente de alimentos com açucar realmente faz mal para os dentes por fazer parte da causa da cárie.  A cárie dental é considerada mais um resultado de um processo local na boca do que influenciada pelo metabolismo geral do corpo. Dessa maneira, muito mais importante que a ingestão de certos tipos de alimentos, vitaminas e minerais, ou restrição de outros, é a remoção de detritos de alimentos, que, junto com bactérias formam a placa dental (hoje em dia mais chamada de biofilme dental).

Mas e os outros problemas que acometem a boca? Gengivite , halitose (mal hálito), xerostomia (falta de saliva), cancêr bucal… Tem como prevenir com uma dieta adequada? Algumas dicas para você ter mais um motivo para uma dieta saudável:

•Alimentos naturais brutos, ricos em fibras e sem preparo como legumes, vegetais e grãos ajudam a auto-limpeza dos dentes. Nossos ancestrais mantinham seus dentes apesar de não ter escova e pasta, não é?
•Frutas cítricas estimulam nossas glândulas que produzem saliva, aumentando a produção desse líquido precioso que nos ajuda a evitar, por exemplo, halitose e cárie. Mas devem ser consumida com cautela pois o excesso pode trazer malefícios.
•Carnes vermelhas, frutos do mar, feijão e horlaliças, o que eles tem em comum? São ótimas fontes de ferro. A manutenção do bom índice de ferro no sangue nos ajuda a não ter problemas nas gengivas.
•Água. Água. Água.( Kkkk) Sério, poderia fazer um post falando somente sobre o benefício da água na saúde bucal (boa ideia!).
Nossa água é enriquecida com Fluor, que vai agir repondo minerais nos dentes quando em contato com eles, além de  ir para o organismo e voltar à boca através da saliva, que vai remineralizar ainda mais os dentes! Entendeu? Além disso, ajuda a manter a mucosa bucal e lábios hidratados e aumenta a salivação, evitando xerostomia e cancêr de boca.
1

Pra finalizar, hábitos como concentrar a alimentação em refeições, e não ”beliscar” o dia todo também ajuda, pois facilita outro hábito maravilhoso: escovar os dentes após as refeições.

Beijos, Dani.
IG: @dani_almeidasantos e @clairodontologia. FB /clairodontologia


sexta-feira

15

julho 2016

0

Comentário/s

06 chás funcionais para ajudar na sua saúde e forma física!

Escrito por , em Sem categoria

Você curte chás? Porque não unir o friozinho do inverno com os benefícios que ele trás pra saúde e forma física?

Os chás funcionais esquentam o corpo e trazem uma série de benefícios como o verde, o de folha de cavalinha, canela, branco, capim-santo, hortelã, entre outros. Conheça as propriedades de cada um e saiba como prepará-los.

Chá Verde (efeitos termogênico, antioxidante, anticarcinogênicos e antiinflamatório)
Receita:
3 folhas de camélia sinensis (nome científico das folhas verdes)
120ml de água
Ferva a água e desligue o fogo. Coloque a erva, tampe e deixe descansar por 10 minutos. Consuma em seguida para que as propriedades sejam aproveitadas ao máximo.
Outra forma de consumir: a partir da infusão pode ser batido com abacaxi (1 fatia pequena), gelo (3 pedras) e gengibre (1 rodela pequena) como efeito emagrecedor.

Chá de folha de canela (efeito termogênico)
Receita:
5 folhas de canela
120ml de água
Ferva a água, coloque as folhas e desligue o fogo. Tampe e deixe descansar por 10 minutos. Consuma em seguida.

Chá de cavalinha (efeito diurético)
Receita:
2 talos de cavalinha
120ml de água
Ferva a água, coloque os talos de cavalinha e desligue o fogo. Tampe e deixe descansar por 10 minutos. Consuma em seguida.

Chá branco (efeito termogênico e antioxidante)
Receita:
5 folhas de chá branco (folha do chá verde mais nova)
120ml de água
Ferva a água, coloque as folhas e desligue o fogo. Tampe e deixe descansar por 10 minutos. Consuma em seguida.

Chá de capim-santo (efeito calmante)
Receita:
3 folhas de capim santo
120ml de água
Ferva a água, coloque as folhas e desligue o fogo. Tampe e deixe descansar por 10 minutos. Consuma em seguida.

Chá de hortelã (efeito digestivo)
Receita:
10 folhas de hortelã
120ml de água
Ferva a água, coloque as folhas e desligue o fogo. Tampe e deixe descansar por 10 minutos. Consuma em seguida.

12

Vamos começar a tomar já?

beijos,



quarta-feira

6

julho 2016

0

Comentário/s

Leguminosas: qual a sua importância na alimentação?

Escrito por , em Sem categoria

Aliar uma alimentação equilibrada com exercícios físicos é uma forma de manter um estilo de vida saudável e de diminuir riscos de doenças e outros problemas de saúde. Dentro de um cardápio semanal, é fundamental garantir a oferta de todos os nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo, como proteínas, vitaminas e minerais.

E, para isso, variar a alimentação é importante não só para não enjoar dos alimentos, mas também para aumentar a gama de nutrientes consumidos. As leguminosas, por exemplo, são uma opção de alimento que ajuda a variar os sabores e as cores das proteínas que entram no seu prato. Além disso, elas possuem fibras que colaboram para um bom trabalho intestinal e contribuem para o controle dos níveis de colesterol no sangue.

A nutricionista Alessandra Luglio, da P4B, explica que a ingestão diária de uma porção desses alimentos é importante numa dieta balanceada. “As leguminosas são pobres em gordura saturada, ricas em fibra e possuem proteínas importantes para o corpo humano. Além disso, este grupo alimentar tem baixo índice glicêmico, o que indica mais saciedade”, finaliza a nutricionista.

Confira algumas leguminosas para incluir no cardápio:

Ervilhas
A ervilha é fonte de fibras solúveis, que auxiliam a lentificar a absorção de gorduras e açúcares e a regular o intestino, além de serem ricas em vitaminas e minerais.

Feijão
Além de ser rico em proteínas e fibras, contém minerais como fósforo, que está presente na membrana das células; magnésio, que além de estar envolvido na estrutura de ossos e dentes, também é importante no funcionamento do sistema nervoso e dos músculos, e ferro, que atua na formação das células vermelhas do sangue e no transporte de oxigênio para todas as células do organismo. Para melhorar a absorção do ferro presente nele, consuma um alimento fonte de vitamina C na mesma refeição, como um suco de acerola ou um limão espremido na salada, por exemplo.

Lentilha
Ricas em zinco, que ajudam a fortalecer o sistema imunológico. Além disso, sua alta quantidade de fibras melhora o trânsito intestinal e alivia a prisão de ventre e o inchaço da barriga. Na mistura com arroz, tem um perfil de protéinas mais completo, pois une os aminoácidos destes dois alimentos.

Soja
Rica em fibras e gorduras poli-insaturadas. Tem seu destaque maior pela sua proteína, que é considerada biodisponível e com alta digestibilidade. Ou seja, é considerada a mais completa dentre as proteínas vegetais. Além do consumo da sua cozida em saladas e refogados, é possível variar com outros produtos à base dela, como tofu e bebidas de soja.

2

1

E ai, vamos incluí-la na alimentação?

beijos,



sábado

18

junho 2016

0

Comentário/s

Prevenção nunca é demais!

Escrito por , em Sem categoria

Você sabia que o adulto também precisa se vacinar? E que, por exemplo, a prevenção da febre amarela, difteria, tétano, sarampo, caxumba e rubéola só se mantém se essas vacinas forem repetidas a cada 10 anos?

Independentemente da idade, quando pensamos em prevenção não há como não lembrarmos das vacinas, principais aliadas no combate a doenças.

O Consulta do Bem leva a prevenção a sério e por isso preparou um infográfico com tudo o que você precisa saber na hora de se vacinar.

As informações estão de acordo com o Programa Nacional de Imunizações (PNI) de 2016, do Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde.

1

Prevenção nunca é demais, não é mesmo?

beijos



quinta-feira

30

janeiro 2014

0

Comentário/s

Em busca do bronzeado saudável

Escrito por , em Beauty

Oi meninas,

O verão esta aí e a maioria das pessoas quer ficar bronzeada. Além de parecermos mais magras, passamos uma aspecto de mais “saudável” né?!! Hoje vou dar para vocês umas dicas para manter um bronzeado bonito e duradouro… .

1- Mantendo o bronzeado

As células de nossa pele demora , em média, 21 dias para se regenerar e descamam em seguida. Então para manter aquela cor bonita é necessário nova exposição solar antes desses 21 dias.

Além disso, a melanina demora de 1 a 2 dias para começar a agir e intensificar cor. Então de nada adianta você tomar horas seguidas de sol antes desse período pois você irá se queimar(vermelhidão) ou “descascar”.

É importantíssimo também levar óculos de sol e chapéu com você.

1

02- Protetor solar

Gente ele é INDISPENSÁVEL! Nem cogite tomar sol sem ele pois as consequências são serias. Proteger a pele do sol é fundamental, até mesmo para quem quer conquistar a cor bronzeada perfeita. Sem ele, a pele fica muito agredida, ardida e em um curto espaço de tempo. O protetor deve ser passado no corpo todo, 30 minutos antes de se expor ao sol. O fator 30 é o suficiente para o corpo e deve ser repassado a cada 2 horas. Para o rosto, fator mínimo de 40.

-1

03- Alimentação laranja

Alimentos ricos em vitamina A e betacaroteno (que se deposita na pele e é o responsável pela cor “laranja”) :  acerola,  cenoura, mamão, manga, melão, abóbora, laranja e as folhas verdes (como salsa, repolho, couve, espinafre e agrião).

-4

04- Horários

O mais saudável é  escolher tomar sol antes das 10:00 ou após às 16:00, horário com maior concentração de UVA. Quando tomamos sol das 10:00 as 16:00 estamos mais expostos ao UVB o que causa vermelhidão e consequente piora das manchas ( sardas e melasmas), além de favorecer o cancêr de pele.

05- Nutricosméticos

No meu instagram (@drabrunarezende) eu já citei um deles que eu gosto muito: o BetaMelani. É indicado começar a usar 4 semanas antes da exposição ao sol e manter ate 4 semanas depois. Além de ajudar na fotoproteção da pele, ela possui betacaroteno, e minerais que neutralizam os efeitos nocivos do sol e auxiliam na formação de melanina, tornando o bronzeado mais uniforme e duradouro. Funcionam como uma suplementação a alimentação. É importante ressaltar que não dispensam o uso do protetor  solar, ok?

-5

06- Hidratação

A pele precisar estar bem hidratada antes e após tomar sol. Além do hidratante corporal é indicado tomar muita água (ou água de côco) e pode abusar da água thermal na face.

Atualizados recentemente38

 

07- Banho frio

A água quente resseca a pele, o que favorece “descascar” (ninguém quer isso né.? ). Prefira sabonetes neutros e líquidos, que agridem menos a pele. Gosto muito do Dove e Lipikar Surgrass. Para acalmar a pele também pode ser feita compressa com chá gelado.

-3

08- Autobronzeador

Pode ser usado após tomar sol, mas eu particularmente não gosto muito da cosmética e do efeito estético deles na pele.

DICA DE SAÚDE: O sol envelhece a pele, gera manchas em longo ou curto prazo e pode dar câncer. Vale ressaltar que o simples fato da pele ficar bronzeada já é uma reposta do organismo à agressão causada por ele ok?

Então pessoal, APRECIEM COM MODERAÇÃO rsrsrsrs!!!

 

Beijinhos

Dra Bruna Rezende

Instagram: @drabrunarezende

 

 



Digite seu endereço de email: